Bem-Estar

Como planejar sua saúde e atingir as metas de 2022.

Como planejar sua saúde e atingir as metas de 2022.

O ano novo chegou e com ele aquela clássica listinha de metas para 2022. Esses tópicos costumam variar entre resoluções profissionais, pessoais, amorosas, familiares, entre muitos outros assuntos. E é claro que, planejar sua saúde em 2022, assim como a da sua família, deve ser o objetivo número 1 da lista.

Existem coisas na vida que a gente só valoriza depois que começam a faltar. A saúde, infelizmente, costumava ser uma delas. Porém, dentre todos os muitos pontos negativos de dois anos vivendo em uma pandemia, um ponto positivo foi que começamos a valorizar mais nossa saúde.

Mesmo que em alguns aspectos o cenário seja ainda incerto, muitas atividades e interações sociais já estão voltando ao normal. Para iniciar este retorno com o pé direito, planejar sua saúde em 2022 é fundamental.

Como é de costume, o NSaúde não quer oferecer apenas uma listinha de tarefas para 2022. Nosso objetivo neste artigo é ajudar você a cumprir com cada uma das suas metas.

Em primeiro lugar

É possível usufruir de uma vida familiar maravilhosa, mas não ir tão bem no campo profissional. É possível viver uma linda história de amor e não ir muito bem no campo familiar. É possível ter uma vida profissional realizada e viver batendo cabeça quando se trata de relacionamentos amorosos.

Porém, é possível ir mal em todos os departamentos da vida ao mesmo tempo se a saúde não está boa.

Não tem segredo, cuidar da gente deve ser sempre a maior prioridade. Diante de uma decisão difícil, vá sempre naquela que lhe trará mais chances de viver mais e melhor. Afinal, quantas vezes já ouvimos que com saúde tudo se ajeita?

Agora que relembramos a importância de cuidar do corpo e da mente em primeiro lugar, veja outras 6 dicas com instruções práticas para planejar e atingir as suas metas de saúde em 2022.

6 dicas para planejar sua saúde em 2022

Médica da família atendendo em casa, com pai e filho.

1. Beber água

Bom, certamente não é a primeira vez que você ouve essa dica. Mas a verdade é que a maioria das pessoas bebe menos água do que deveria. Enquanto isso for verdade, a dica acima continua sendo importante.

Aliás, você sabe quanto de água toma em média no dia? Parece uma pergunta fácil, mas quase ninguém tem a resposta na ponta da língua.

Para não se esquecer de tomar água ao longo do dia, adicione um lembrete no celular — afinal, parece que a gente nunca esquece de usar ele! Coloque para despertar de 30 em 30 minutos, por exemplo. Ou mesmo baixar algum aplicativo que tenha a função de te lembrar (como este daqui).

Como a água é um dos principais componentes químicos do nosso corpo, todos as nossas células, tecidos e órgãos precisam dela para funcionar da forma correta.

Ela ajuda na eliminação de resíduos pela urina, transpiração e evacuação. Mantém nossa temperatura controlada, lubrifica as juntas e protege tecidos sensíveis. É muita coisa!

Essa é a meta mais fácil de atingir. Ter uma garrafa com água sempre por perto praticamente garante que nos hidratemos mais.

E se por algum motivo este líquido incolor, inodoro e insípido ficar entediante às vezes, você pode usar um produto natural para adicionar um gostinho de limão, melancia, laranja, hortelã ou gengibre.

Mas não importa o jeito. A partir de hoje e ao longo de 2022, planeje tomar pelo menos 3,7 litros de água por dia se for homem ou 2,7 se for mulher. Esperamos que em 2023 você consiga responder de bate pronto o quanto deste líquido precioso você ingere diariamente.

2. Ter uma alimentação balanceada

Antes de mais nada, busque acompanhamento profissional para saber quais hábitos alimentares seriam os mais adequados para você. Todo mundo é diferente. Um manual de instruções alimentares é só isso, um manual. O importante é saber o que você quer construir com ele. Um nutrólogo ou um nutricionista vão ajudar você a tomar esta decisão de acordo com seu estágio atual.

Depois, não custa lembrar: alimentação é um dos hábitos mais difíceis de mudar e manter. Todo mundo tem essa dificuldade. Nosso corpo é naturalmente afeito a gorduras e açúcares em abundância. Se o deixarmos no automático, ele vai buscar cada vez mais alimentos que sejam doces ou gordurosos. Por isso, melhorar os hábitos alimentares exige força de vontade e uma boa dose de psicologia.

No campo da vontade, decida melhorar. Você precisa estar a bordo para este barco partir. Um dos grandes problemas das nossas listas de fim de ano é que nem sempre elas são o que a gente quer, mas apenas o que a gente deseja (são coisas muito diferentes).

A gente define desejo pelo que sonhamos, refletimos e pedimos. O que a gente quer é aquilo que fazemos. Se você quer ter uma alimentação balanceada, é preciso ir introduzindo um item de cada vez no seu prato, aumentando a variedade, experimentando coisas novas.

A gente não falou que psicologia era importante? O processo de se familiarizar com alimentos mais saudáveis garante que você terá eles por perto, na dispensa, na geladeira. Tornar o acesso a eles mais fácil é o primeiro passo para incluí-los na sua dieta. Se você não tem em casa, não tem no prato. O inverso também vale, aliás. Quer diminuir a quantidade de açúcar? Compre menos.

O Guia Alimentar para a População Brasileira tem boas indicações do que são esses alimentos mais saudáveis. O legal deste documento é que a equipe do Ministério da Saúde se esforçou para simplificar as coisas. Não são alimentos impossíveis de achar no mercado perto da sua casa.

Se em 2022 você conseguir variar um pouco mais sua alimentação, já terá dado um passo importante para em 2023 poder afirmar com todas as letras que tem uma alimentação balanceada (melhor ainda se conseguir fazer tudo isso já no ano que vem!).

3. Praticar exercícios

Esse é outro hábito difícil de criar e, mais ainda, difícil de manter.

Para começar, descubra quais atividades físicas você gastaria de fazer. Isso vai tornar tudo mais fácil lá na frente.

Em seguida, comece aos poucos. Não adianta tentar passar de nenhuma atividade física para 3 horas de atividade, 7 dias por semana. Até porque é preciso respeitar os limites do seu corpo. Estabeleça metas mais fáceis de cumprir e evite frustrações. Até atletas em início de carreira precisam começar seus treinos com modéstia.

Ajuda muito ter uma companhia para fazer exercícios. É uma excelente forma de manter o estímulo: um cobrando o outro. O contrário também é válido: continuar convivendo só com pessoas sedentárias vai tornar esta mudança de hábito mais difícil (mas não impossível).

É fundamental encaixar esse item na hora de planejar sua saúde em 2022. Defina uma rotina, mantenha lembretes sobre exercícios em diferentes pontos da sua casa ou trabalho. Vai ser muito mais fácil conseguir manter este hábito no longo prazo se você criar gatilhos para ele no dia a dia e seguir a rotina.

Conforme for evoluindo, vá atualizando suas metas para evitar o tédio. Talvez em 2023 você participe da sua primeira corrida de cinco quilômetros ou nade 10 piscinas no clube.

4. Melhorar o Sono

Parece fácil, mas nem sempre quando paramos ou dormimos estamos descansando de verdade. Dormir é um compromisso, por isso, estabeleça uma rotina para esse momento. Vá para a cama sempre no mesmo horário. Mantenha consistente a hora de acordar.

Um adulto precisa dormir entre sete e oito horas por noite. Estudos indicam que menos ou mais que isso pode ser prejudicial para a nossa qualidade de vida.

Pouco antes de deitar-se, estabeleça um ritual de relaxamento. Nada de luz forte, barulho alto e celular ligado.

É importante não ir para a cama com fome ou após ter comido algo pesado.

Evite dormir durante o dia. Apesar de deliciosa, aquela soneca de três horas no domingo atrapalha o ciclo do corpo.

E, por último, na hora de dormir tente esquecer as preocupações que você não vai conseguir resolver naquele momento. Guarde-as para quando acordar disposto no dia seguinte. É bem provável que qualquer solução que encontrar para o seu problema será melhor após uma boa noite de sono.

São várias instruções para descansar mais e melhor. Mas assim como todas as dicas aqui, não adianta nem tentar aplicar todas elas hoje à noite. Como em outras mudanças de hábito, comece aos poucos e vá evoluindo.

Imagine que seu primeiro objetivo é estabelecer os horários em que você deita e acorda. Depois, elimine o celular pelo menos 30 minutos antes de deitar-se. Quando estiver pronto, comece aplicando novas instruções.

Lembre-se que o seu objetivo é dormir melhor, não ganhar o campeonato mundial do sono. E você tem esse objetivo porque dormir bem é o primeiro passo para ter um ótimo dia. E um passo definitivo para viver mais, com qualidade.

5. Cuidar da saúde mental

Quando for planejar sua saúde em 2022 não esqueça da saúde mental. Seguir as dicas anteriores, mesmo que parcialmente, já é um bom investimento, mas vamos ver algumas outras ações que podem trazer mais foco e paz de espírito.

Para cuidar da mente, reserve um tempo para estar em contato com a natureza. Além de ser linda, reduz o estresse. Reserve outro para praticar a , independente do que você acreditar. Juntas, estas duas coisas ajudam a dar um significado a mais para a vida.

Outro fator muito importante — e às vezes negligenciado — é conhecer bem a si mesmo. Conheça o que lhe desperta emoções positivas, conheça aquilo que lhe traz negatividade. Trabalhe ambos para entender o que você pode melhorar e como.

Lembre-se, o nosso foco principal está em melhorar um pouco a cada dia. Para isso, reflita sobre aquilo que você consegue controlar. O que você faz, o que você fala, como reage quando algo dá errado. Se quiser mudar tudo aquilo que está fora do seu controle tem grandes chances de prejudicar sua saúde mental.

Por último e talvez mais importante, tenha alguém com quem conversar sobre isso. Pode ser alguém da família, um amigo ou um terapeuta. Nós humanos somos seres profundamente sociais. Isso quer dizer que o ato de compartilhar nossa vida e nossos pensamentos com outras pessoas é um dos objetivos da nossa existência, tão importante quanto se alimentar.

6. Acessar medicina de qualidade

Um planejamento da sua saúde em 2022 não estará completo se você não criar uma meta para cuidar melhor do seu corpo. Um ótimo começo é agendar e realizar um checkup geral.

Essa visita ao médico vai servir para você atualizar as informações sobre o estado do seu corpo. Será que tem algum ponto de atenção? Será que aquele problema que você teve anos atrás pode voltar? Idealmente, com o check-up você e seu médico respondem estas e outras perguntas.

Os exames solicitados vão variar de acordo com a faixa etária, sexo, histórico familiar e de doenças do paciente. Hábitos de vida, como, por exemplo, tabagismo e sedentarismo também definem o tipo de análises que serão feitas.

A partir dos resultados, você estabelece um planejamento de cuidados. Sempre quando necessário, o clínico vai encaminhar para outras especialidades e cada um dos itens apontados pela sua consulta e seus exames vão sendo resolvidos.

Por outro lado, se estiver tudo bem, parabéns! Você fez seu planejamento e agora tem tranquilidade pode dedicar seu tempo ao mais importante: ser feliz!

Médico mostra lista de metas de saúde para 2022

Consultas periódicas

Ser mais protagonista do própria vida é fundamental para encontrar a felicidade. Precisamos criar e manter os hábitos que nos fazem tomar as rédeas da nossa história.

Entre esses hábitos, os mais importantes são aqueles que proporcionam uma boa saúde do corpo e da mente.

Mas só isso é o bastante para garantir uma vida repleta de saúde? A resposta é não.

Apesar de ser muito importante, nem tudo se resolve com dieta balanceada, ingestão de água, exercícios físicos e meditação.

Sem exagerar no alarmismo, mas a qualquer momento podemos já estar desenvolvendo uma doença grave. Se descobrirmos no início, temos mais chances de cura. Um pouco mais de demora e pode se tornar um grande problema.

Visitando periodicamente um médico de confiança aumenta muito as chances de diagnosticar precocemente ou até evitar uma doença grave.

É da natureza humana só sentir urgência quando já há algo para ser resolvido. Enquanto a dor de dente não fica insuportável, as chances de a gente agendar aquela visita ao dentista são menores. Mas esse erro pode ser fatal — ou, no mínimo, muito dolorido.

Prevenção é a chave de tudo. Imagine a sua vida como um grande projeto. É preciso saber quais seus objetivos e planejar para atingi-los.

Pensar no planejamento da sua saúde para um novo ano é parte desse projeto. Nele você decide como irá atingir um novo hábito saudável de cada vez — não precisa ter pressa, o importante é a consistência.

Mudando seus hábitos, basta realizar consultas periódicas para ter o acompanhamento de um especialista. Os dados e informações médicas vão mostrar o quanto você progrediu.

Dessa forma, é só questão de tempo até você ser capaz de realizar cada uma das metas da sua lista.

A importância de um plano para a saúde

Médico de uniforme, com estetoscópio no pescoço, em consulta com mãe e filha, no consultório.

O Brasil é referência entre os países com sistemas de saúde universal. Porém, é inegável que nem sempre o atendimento público é capaz de suportar com qualidade uma demanda muito grande de pacientes. A demora em atender a todos com agilidade e eficiência, infelizmente, pode custar vidas.

Talvez partir para um tratamento particular pode ser a solução? Depende. Sabemos que os tratamentos médicos não são baratos. A situação financeira da maioria dos brasileiros não permite muitos gastos além das despesas mais essenciais. Por isso, muitas vezes, a prevenção de saúde passa a ser negligenciada (até o momento que começa a piorar...).

Ter um plano médico costuma ser uma revolução na saúde da família. Atualmente, não existe nada que ofereça um melhor custo-benefício: atendimento de qualidade e completo por um valor mensal mais acessível. Ao mesmo tempo que entrega a tranquilidade de poder contar com a assistência médica sempre que precisar, tem canais de atendimento nos quais você participa ativamente na melhora dos serviços.

Na prática, com um convênio médico a pessoa tem maior controle sobre a sua saúde e a de toda a sua família. Ajuda na economia em gastos referentes a situações emergenciais de saúde. E ainda tem a praticidade de todos saberem onde serão atendidos quando precisarem de suporte 24h.

Existem situações que precisam de agilidade no diagnóstico, possibilidade de acesso à prevenção de doenças, entre outros fatores.

E tudo isso pode ser proporcionado à sua família se você incluir a contratação de um plano de saúde no seu planejamento de 2022.

Um bom caminho é investir em um plano de saúde para toda a família. Assim, vocês terão serviços de saúde e qualidade de vida garantidos para todos, 24 horas, todos os dias da semana.

Esperamos que este texto ajude você a bater todas as suas metas de saúde em 2022. Mas para tudo o que não conseguimos prever, ter um planejamento de saúde para a família é a melhor solução para ter mais tranquilidade e aproveitar muito o ano que está chegando.

[Atualizado: Alterado o título da postagem.]

Leia Mais